JF Vôlei avança às semifinais da Superliga B

  • por

Com 9 vitórias em 9 jogos, equipe está a duas vitórias do acesso à elite

Foi uma partida difícil, com todos os ingredientes de tensão de um jogo decisivo, mas o JF Vôlei soube usar a sua força acumulada em toda a Superliga para se superar nos momentos mais delicados e vencer a segunda partida da série contra o Niterói Vôlei Clube, na noite desta sexta-feira (19), em Niterói. Com parciais de 25×20/19×25/25×23 e 25×21, a vitória por 3×1 assegurou a vaga nas semifinais da competição, mantendo sua invencibilidade após nove jogos. O líbero Dayan recebeu o Troféu Viva Vôlei como o melhor em quadra.

O JOGO

A onda roxa em Minas Gerais obrigou o time de Juiz de Fora a mandar sua partida na casa do adversário. Os dois primeiros sets começaram praticamente da mesma forma, com vantagem para o Niterói Vôlei Clube e reação instantânea do JF Vôlei, que virou em 7×6. A partir daí, as parciais ficaram distintas. No primeiro set, mantendo a concentração das partidas anteriores e destaque para os saques forçados de Celestino, o líder da competição fechou em 25×20. Já na segunda etapa, o saque deixou de entrar. O adversário, por sua vez, conseguiu quebrar a linha de passe do time juiz-forano e abrir vantagem até concluir em 25×19.

O terceiro set foi o mais disputado e tenso da partida, com os times se variando no comando das ações. Nesse momento, cresceu o jogo do líbero Dayan, com ótimas defesas, e boa distribuição do levantador Gustavo. Os saques de Pilan e Bruno também voltaram a entrar, assim como as bolas de Paolinetti. Na reta final da parcial, essa consistência foi fundamental para assegurar o 25×23. No último set, foi a vez da experiência do ponteiro Viller fazer a diferença, seja no saque, seja em bolas sutis que desviavam dos bloqueios e caiam na quadra adversária. Exausto, o argentino foi substituído com cãimbras no match point.

Agora o JF Vôlei aguarda o vencedor do duelo entre SMEL Araucária e Unimed Aero para conhecer seu adversário nas semifinais, que também serão disputadas numa melhor de três jogos. Quem vencer avança à final e está garantido na Superliga A na próxima temporada. Uma reunião após a conclusão de todas as partidas das quartas de final vai definir os próximos passos da competição.